Corre Mundo

Correr na Turquia – Maratona de Istambul (Eurasia)


Em 2012 a Maratona de Istambul será dia 11 de novembro. Antes era realizada em outubro, com o tempo um pouquinho mais camarada para quem faz turismo depois da prova. Mas enfim, isso não é algo que deva preocupar qualquer ser com termorregulação normal – o que não é meu caso.
Eu corri a prova de 15km (tem também uma de 8km) e achei uma ótima opção – é como se você fizesse só as partes mais bonitas da maratona, e olha que não é pouco. Essa prova é a única no mundo a passar por dois continentes: largada na Ásia e chegada na Europa, pois Istambul é uma cidade dividida. A ponte divisória, sobre o estreito de Bósforo, é logo na largada e palco de uma imensa festa, pois fica fechada o ano todo aos pedestres.

Como só é aberta neste dia os moradores aproveitam para torcer pelos amigos e também dar uma espiadinha de uma maneira diferente neste lindo trecho. E sim, todo mundo tira uma foto – deve ser uma das corridas com maior porcentagem de pessoas com máquina fotográfica :)

E a chegada não deixa por menos. É na impactante Mesquita Azul. Se der sorte, chegará bem na hora de um dos chamados para as rezas diárias que saem dos minaretes. Emocionante. Mas abra logo seu kit de chegada e pegue sua camiseta seca porque tradicionalmente chove e faz frio no dia da prova. A cobertura completa da edição de 2011 está na Contra Relógio de janeiro.

A prova é bem organizada e a feira teve um upgrade neste último ano. Dava para comprar muita coisa barata e havia atrações também de outros esportes.
Até ano passado eram poucos brasileiros concluintes mas esse panorama deve mudar. A XTravel agora é operadora da prova no Brasil e a maratona recebeu a classificação “gold” da IAAF.

Dica 1: Se fizer as provas menores, opte por acomodações em Sultanahmet, onde está a chegada. A interdição das ruas pela maratona complica a vida de quem tenta voltar a Taksim antes da reabertura da ponte Galata (outra ponte da corrida) aos carros. Quem se hospeda em Taksim e corre os 15km tem que esperar o fluxo de trânsito (trams, ônibus  e taxis) voltar ou ir até o outro lado caminhando pela ponte, o que pode ser um pouco sofrido dependendo do estado em que terminar a prova ou com muito frio e chuva.

Dica 2: Pegue os ônibus da organização para a largada. Lá haverá a indicação de onde deixar sua mala, que seguirá para a chegada. Amarre uma bandeira do Brasil ou improvise uma caracterização na bolsa para facilitar a retirada depois da prova, que é um pequeno caos.

Dica 3: Esqueça o tempo de conclusão. A prova é linda e merece ser curtida em cada km.

Running Tour

Quem for em outra época e quiser ter a experiência de correr pela linda Istambul pode optar pelo Running Tour turco. O simpaticíssimo Atakan Tekin do site www.maratonturk.com  traça roteiros de acordo com o condicionamento do grupo. O preço varia com a quilometragem da rota e o número de pessoas e passa pelos lugares mais bonitos da cidade. Custa a partir de 50 euros para uma pessoa a 30 euros para grupos maiores que 4 corredores.

Essa figura, que conheci na retirada do kit, é treinador de atletas de elite e uma espécie de padrinho das corridas na Turquia. Quando soube que havia brasileiros fez questão de aprender a dar as boas-vindas em português para saudar os corredores na largada (ele é o mestre de cerimônias).

 

 

 

Corrida em Istambul

Para correr sozinho pode escolher o parque GÜLHANE, ao lado do Palácio Topkapi e as ruas próximas à ponte Galata, indo pela avenida da margem do Golden Horn até a ponte Ataturk. É um roteiro curto, para ser feito bem cedo.

Um pouco mais distante (cerca de 20km de Taksim) fica a floresta Belgrado com diferentes rotas, boa para corridas longas e tranquilas. Acessível de ônibus (42T) a partir de Taksim ou Levant. É onde os grupos de corrida treinam aos fins de semana.

 

 E, ainda, um pouco mais perto (4 km de Taksim) está o parque YILDIZ (estação Maçka), também bastante frequentado pelos corredores e com outros atrativos como o palácio usado como residência do sultão no século 19.

 


Twitter Siga o Corremundo pelo Twitter Facebook Curta nossa página no Facebook